Abacaxi

4

 

The information materials in Doutor NIKO® are provided for educational and research purposes only. They should not be used for diagnosing or treating a health problem or disease. Please consult your local doctor or physician. Favor Favor consulte sempre seu médico. Thank you for visiting my website.

 

abacaxi é uma fruta típica de países tropicais e subtropicais, portanto, não se adapta em regiões de clima frio.

É rico em vitaminas A, C, B1, B6, ferro, magnésio e fibras.

Previne dores de garganta e resfriados e é bom para a circulação por conter a enzima bromelina, servindo também como tempero para amaciar carnes.

abacaxizeiro costuma florescer na época do inverno.

A parte comestível é a polpa, suculenta e com grande quantidade de água e fibras.

O suco do abacaxi é ótimo para a produção de sucos, sorvetes, cremes, geléias, bolos e outros alimentos.

Do suco do abacaxi é retirado ácido cítrico, ácido ascórbico (vitamina C), ácido málico e bromelina. Este suco natural possui cerca de 12% de açúcar (frutose).

Um abacaxi maduro pesa de 2 a 3 quilos.

Muitas pessoas utilizam a casca do abacaxi para fazer doces.

abacaxizeiro costuma ser plantado em solos ricos em nutrientes.

Uma boa forma de verificar se o abacaxi está maduro é puxando uma das folhas de sua coroa. Se a folha soltar facilmente é porque o fruto está maduro, caso contrário ele ainda está verde.

As principais pragas que atacam os abacaxizeiros são: cochonilha e a broca do fruto (lagarta da borboleta).

Fonte: http://www.guianet.com.br

abacaxi é uma fruta muito agradável, refrescante, de aroma assaz delicioso.

Origina-se da América Tropical, sendo também cultivado em outros países de clima tropical e subtropical. Pertence à mesma família botânica do gravatá e da samambaia conhecida como barba-de-velho, da família das bromeliáceas.

Bromelina – a enzima digestiva do abacaxi:

abacaxi é bom para digestão? Seu alto conteúdo ácido faz com que muitos considerem o abacaxi como indigesto, prejudicial ao estômago ou acidificante. Muitos o utilizam incorretamente, e reclamam de azia ou queimação e mesmo aftas associadas à ingestão de abacaxi.

Para certas pessoas essa fruta demonstra-se inconveniente em razão de certos distúrbios pré-existentes, sendo, nestes casos, recomendável evitá-la.

O estudo da composição química do abacaxi levou à descoberta de uma potente enzima, a bromelina (assim chamada pelo fato de o abacaxi pertencer à família das bromeliáceas).

Antigamente usava-se o suco de abacaxi para “amolecer” carnes, e até hoje este suco presta-se ao amolecimento de gelatinas. Esta propriedade deve-se exatamente à bromelina, enzima capaz de desdobrar proteínas em substâncias mais simples como proteoses e peptonas.

Sugerem-se pelo menos dois efeitos medicinais atribuíveis à bromelina:

1. AÇÃO FAVORECEDORA DA DIGESTÃO

Pacientes com insuficiência gástrica (com baixa produção de suco gástrico ou hipocloridria) poderiam beneficiar-se com o uso de suco diluído do abacaxi sem açúcar.

Pode-se tomar uns 80 ml deste suco fresco, diluído a 1/2 (metade de água), às colheradas, meia hora a dez minutos antes das refeições. É importante, porém, que este tratamento seja adequadamente aplicado.

Não se recomenda abacaxi a pacientes com hipercloridria, úlcera gastroduodenal, pirose etc.

2. DOENÇAS RESPIRATÓRIAS PRODUTIVAS (EM QUE HÁ PRODUÇÃO DE CATARRO)

Bronquites, gripes, pneumonias e outras patologias respiratórias acompanhadas de tosse e abundante secreção de muco podem ser tratadas com bromelina, que favorece a expectoração, pois desdobra as mucoproteínas do catarro. Há no mercado xaropes à base de bromelina.

Uso Medicinal

abacaxi tem várias aplicações na medicina caseira, como sejam:

BRONQUITE

Day informa que é um dos melhores remédios contra a bronquite. Cortar em fatias, pô-las numa panela, acrescentar mel, tampar bem e cozinhar. Depois de esfriar, retirar o suco e colocar em um vidro. Tampar bem. Tomar três a quatro colheres, das de sopa, ao dia.

AFECÇÕES DA GARGANTA

abacaxi é também muito útil no tratamento das afecções da garganta, e mesmo na difteria.

Come-se a fruta, ao natural, ou toma-se o suco, ou fazem-se gargarejos com o suco.

É importante não misturar o abacaxi com outros alimentos na mesma refeição, e não se lhe deve adicionar açúcar.

OUTRAS INDICAÇÕES

abacaxi tem, outrossim, virtudes medicinais como diurético e vermífugo; combate a prisão de ventre: é desobstruente do fígado; favorece a digestão; combate todas as inflamações do tubo digestivo e auxilia na cura das febres intestinais; é conveniente no tratamento dietético da arteriosclerose e anemia; é bom contra as enfermidades da bexiga, da próstata e da uretra; é muito útil em caso de cálculos renais e vesicais, e em caso de amenorréia; é bom remédio contra o reumatismo, como também contra o artritismo; emprega-se com bons resultados na hidropisia e na icterícia; é muito útil no combate à nefrite; é depurativo do sangue.

Valor Alimentício

abacaxi é uma dádiva ao paladar, à saúde e à nutrição dos que vivem em países tropicais. Contém aproximadamente o mesmo valor calórico da laranja, porém encerra teor mais alto de carboidratos, dos quais destaca-se, em proporção, a sacarose. É rico em potássio, fornecendo também fósforo, cálcio e magnésio, entre outros minerais. Contém diversas vitaminas como a riboflavina, a tiamina, o ácido pantotênico e a niacina. Fornece um pouco de vitamina C. Apresenta em sua composição vários ácidos de fruta, como o cítrico e o málico, que no metabolismo exercem ação alcalinizante.

abacaxi pode ser usado de diversas maneiras: ao natural, em sucos, em saladas (em mistura com frutas), em compotas, em geléias etc.

Graças ao delicioso sabor e ao perfil nutritivo e medicinal que o caracterizam, o abacaxi é um complemento muito útil à nossa dieta.

RESUMO DAS UTILIDADES MEDICINAIS

Amigdalite

Gargarejos com o suco. Fazer refeições exclusivas de abacaxi.

Anemia

A acidez do abacaxi favorece, na digestão, a absorção de ferro.

O anêmico pode, no intervalo das refeições, usar um pouco de suco de abacaxi diluído em água e adoçado com melado de cana.

Aterosclerose

Sugere-se que o uso metódico de abacaxi pode ajudar a prevenir e atenuar a aterosclerose. Passar alguns dias cada mês com dieta exclusiva de abacaxi, sem açúcar, se não houver sensibilidade excessiva a esta fruta.

Artrite reumatóide

O mesmo método indicado em aterosclerose. Quanto mais avançada a doença, maior a freqüência da dieta de abacaxi, se não houver contra-indicação ou hipersensibilidade digestiva.

Bexiga

Passar alguns dias com suco de abacaxi diluído em água sem açúcar, ou substituir refeições por este suco.

Bronquite

Ver acima tópico sobre a Bromelina.

Cálculos renais

Ver nefrolitíase.

Cálculos da bexiga

O mesmo método indicado em nefrolitíase.

Para fortalecer o Cérebro

Proceder como indicado em Memória, perda de.

Constipação intestinal

Fazer várias refeições exclusivas de abacaxi. Mastigar cuidadosamente e não pôr açúcar. Pode-se usá-lo em jejum, exclusivamente.

Depurativo do sangue

Ver Sangue, depurativo do.

Difteria

Fazer gargarejos com o suco de abacaxi. Usar esta fruta ao natural, sem misturar com qualquer outro alimento. Seguir cuidadosamente as prescrições médicas.

Digestão

Pessoas com deficiência de ácido clorídrico (hipocloridia) poderão auferir benefícios do uso adequado do suco de abacaxi. Ler tópico “Bromelina – a enzima digestiva do abacaxi”.

Dismenorréia

Ver Distúrbios da Menstruação

Diurese

O suco de abacaxi é excelente diurético.

Febre intestinal

Em caso de febre intestinal procede-se a uma dieta de maçã e mamão (às refeições, sem misturar com outros alimentos). Como variação, pode-se tomar um pouco de suco de abacaxi diluído em água sem açúcar, às colheradas.

Fígado, desordenado

Proceder como indicado em constipação intestinal.

Afecções da Garganta

Ver amigdalite.

Hidropisia

Mesmo procedimento indicado em constipação intestinal.

Icterícia

Recomenda-se usar, longe das refeições, o suco de abacaxi. Nunca adoçar com açúcar.

Inapetência

O suco de abacaxi, sem açúcar, tomado em pequena quantidade uma ou duas horas antes da refeição, ajuda a abrir o apetite.

Perda de Memória

Recomenda-se empiricamente o abacaxi contra a perda de memória. Proceder como descrito em aterosclerose.

Nefrolitíase

Para auxiliar na eliminação de cálculos, há tratamentos naturais específicos. O suco de abacaxi pode participar juntamente com outros sucos e chás. Pode-se passar alguns dias com dieta exclusiva de abacaxi, e tomar chás como o de quebra-pedra, folha de abacate, cana-do-brejo e cavalinha. Convém, entretanto, seguir orientação médica para cada caso.

Prisão-de-ventre

Ver constipação intestinal.

Doenças da Próstata

Proceder como indicado em constipação intestinal. Pacientes sensíveis a esta fruta podem, entretanto, não se sentir bem com esta dieta.

Reumatismo

Ver Artrite Reumatóide.

Doenças dos Rins

Em algumas doenças renais em que se busca estimular a diurese, o suco de abacaxi, usado entre as refeições, demonstra-se útil. Alguns pacientes sensíveis a esta fruta podem, entretanto, não se sentir bem com esta dieta.

Depurativo do Sangue

Alguns dias de dieta exclusiva de abacaxi apresentam este efeito. Pacientes com hiperacidez gástrica ou sensíveis a esta fruta podem não se sentir bem com esta dieta.

Doenças da Uretra

Proceder como indicado em bexiga.

Fonte: http://www.portalnatural.com.br

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s